Salve o Zé Pereira!

185

E finalmente chegou a data que todos os brasileiros mais aguardam o ano todo. O Carnaval. Festa dionísica que lava a alma de milhões de pessoas, sejam nativos da Terra Brasilis ou não. E porque o Carnaval é uma data tão especial especialmente para o povo das favelas? Primeiro porque vários moradores das comunidades cariocas e fluminenses, são alçados ao posto de estrelas e celebridades. Desde a tia que costura as fantasias, até a vovó que brilhará de Baiana. Sem esquecer do ritmista que rala o ano todo, mas que no dia do desfile da sua escola ganhará destaque no mudo inteiro, não esquecendo das escolas de samba mirins que desfilam abrem hoje a Marques de Sapucaí onde milhares de crianças das comunidades do Rio de Janeiro já mostram muito talento e samba no pé.

Outro motivo positivo para o povo das favelas, é que a imprensa para de destacar apenas o lado negativo dessas comunidades. e o grande destaque a se noticiar é o dia a dia dessas pessoas que ajudam a construir o carnaval mais badalado do país.

E até parece haver um acordo tácito entre o tráfico e a polícia para uma trégua nos dias de carnaval. Historicamente o Carnaval é o período que tem menos confrontos nas comunidades cariocas.

E economicamente, é a oportunidade de algumas famílias a conseguirem um aporte na sua renda familiar. Afinal a grande maioria dos ambulantes (cadastrados ou não junto à prefeitura) são oriundos das favelas do estado do Rio de Janeiro.

Mesmo com todas as críticas à mercantilização do Carnaval como um todo, dos desfiles das escolas cada dia menos comprometidas com sua história, devemos que reconhecer que o carnaval é ainda a festa mais popular do Brasil.

marques-de-sapucai

E como não podia deixar de ser, a Agência de Notícias das Favelas fará pelo 4º ano a cobertura dos Desfiles das Escolas de Samba na Marquês de Sapucaí e dos blocos de rua!

Salve o Zé Pereira!