Salvador sedia encontro de tecnologia e afroempreendedorismo

459
O astrofísico colombiano Antonio Copete. (Créditos: Reprodução Internet)

Entre 8 e 11 de agosto, a capital baiana promove um dos maiores eventos de tecnologia e cultura maker focado na ação dos afrobrasileiros. A Ocupação Afro Futurista promove debates, palestras, oficinas, exibição de filmes, performances e festa na Estação da Lapa. O astrofísico colombiano, pesquisador da Universidade Harvard e da Nasa Antonio Copete é uma das atrações.

Blogueiros, empreendedores e artistas se reúnem para quatro dias de discussão sobre tecnologia e negritude. A iniciativa é fruto da parceria entre a Aceleradora Vale do Dendê e o Instituto Mídia Étnica (IME), com o patrocínio da organização Seja Digital. A programação conta com atrações nacionais e internacionais.

Debates sobre TV digital, inovação local e feminismo com fazedores negros de todo o Brasil fazem parte da programação. Na última mesa de discussão, a blogueira soteropolitana Tia Má media debate sobre mulheres e tecnologia com presença de Silvana Bahia (PretaLab), Lorena Vilas Boas (Mídia Étnica Lab) e Brenda Costa (OxenTI Menina). Antonio Copete é também uma das atrações e realiza palestra no encerramento do evento.

“Ao contrário de eventos convencionais de tecnologia e inovação, vamos lançar luzes sobre o trabalho de makers e artistas que atuam nas periferias de grandes cidades, em um local muito importante de Salvador”, destaca Paulo Rogério Nunes, cofundador da Aceleradora Vale do Dendê.

A programação conta com performances de artistas que utilizam a tecnologia em seu trabalho, como VJ Gabiru, Coletivo Afrobapho e Japa System. Está agendada para a abertura performance e debate de integrantes do movimento Cosplay com Identidade, representando personagens negros como Tempestade, Syndra e Pantera Negra, e uma edição especial da festa de música Batekoo, que realiza edições no Rio e em São Paulo.