Prédio abandonado em Manguinhos traz transtornos à população

416
Processed with VSCO with kk2 preset
Créditos: Bruno Machado

 

Em meio ao visual alegre e esperançoso da Favela de Manguinhos, zona norte do Rio, algo parece ter sido esquecido pelo Programa de Aceleração do Crescimento (PAC), do governo federal. Um prédio abandonado em uma das áreas mais centrais do território traz transtornos para a população e já atrai usuários de drogas.

O edifício está localizado atrás da Biblioteca Parque Manguinhos e funcionou por anos como uma das instalações do antigo Depósito de Suprimentos do Exército Brasileiro. Depois de dois anos de obras, realizadas com recursos do PAC, em 2010 o local passou a abrigar um centro cívico, com oito espaços comunitários.

Atualmente, o prédio está sob a tutela da Secretaria de Estado de Cultura, porém encontra-se sem uso e chama a atenção pelo mau estado de conservação e mau cheiro devido à ocupação feita por usuários de drogas. A revitalização é tratada como incerta.

Quem trabalha e vive na região espera que o espaço possa ser utilizado no futuro para fins culturais e que, além de beneficiar os moradores, privilegie a produção artística dos muitos jovens talentos que a favela abriga.