MAR de Música Viaduto de Madureira

244

image001 (6)

                               Durante o evento, o artista visual Igor Vidor realiza o projeto Surfe de Lona

 O Museu de Arte do Rio – MAR, sob gestão do Instituto Odeon, traz de volta à sua programação o MAR de Música. A primeira edição (11/03) faz parte das comemorações pelo terceiro aniversário do museu e levará aos pilotis o maior baile charme do Brasil e patrimônio imaterial da cidade, o Viaduto de Madureira, com a participação do DJ Michell.

Paralelamente ao evento, o artista visual Igor Vidor vai se apropriar da Praça Mauá para realizar a instalação interativa Surfe de Lona. Nela, o plástico azul será movimentado para que tenha a forma e o movimento similares a uma onda no mar, dando ao público diversas possibilidades de atravessá-la.  “O trabalho se pretende como expressão irreverente e popular, explorando a dimensão coletiva do corpo, bem como a necessidade social de re-invenção do espaço e da esfera pública”, explica o artista.  Haverá ainda videoinstalações parte da Coleção MAR.

O visitante poderá aproveitar ainda quatro visitas guiadas gratuitas que acontecerão a cada 30 minutos, a partir das 18h. A cada edição do MAR de Música o público poderá conhecer uma das exposições em cartaz. Atualmente, estão abertas para visitação: Rio Setecentista, quando o Rio virou capital; Fernando Lindote: trair Macunaíma e avacalhar o Papagaio; O poema infinito de Wlademir Dias-Pino; e Ao amor do público I – Doações da ArtRio (2012-2015) e MinC/Funarte – Homenagem a Cely Mesquita (abre em 8/3/2016).

As tradicionais barraquinhas de alimentos e bebidas dos Vizinhos do MAR — programa que visa fomentar a participação da comunidade da região portuária nas atividades realizadas pelo museu — também estarão presentes nesta edição.

Ao longo de 2016, o MAR de Música será realizado uma vez por mês e a atração de abril já está confirmada. No dia 29 se apresentam nos pilotis a Banda Dônica e a Festa Yellow Submarine.

O MAR de Música tem patrocínio da TIM e parceria com o Circo Voador.

O museu tem o Grupo Globo como mantenedor, o BNDES como apoiador de exposições, a Dow e o Banco Votorantim como apoiadores da Escola do Olhar e o Grupo Libra como apoiador das visitas educativas. Conta ainda com o apoio do Governo do Estado do Rio de Janeiro, e realização do Ministério da Cultura e do Governo Federal do Brasil por meio da Lei Federal de Incentivo à Cultura. A gestão fica a cargo do Instituto Odeon.

11 de março de 2016, a partir das 18h

Pilotis e Praça Mauá – Entrada grátis

Capacidade: 1500 pessoas nos Pilotis

Endereço: Praça Mauá, 5 – Centro.