Empreendedorismo e gastronomia na César Maia

203
Eduardo Santos é dono de dois negócios na comunidade. (Crétidos: Daniel Borges / ANF)

Por Daniel Borges, Rafael Rabelo, Roberto Costa e Yan Gutemberg

O microempreendedor Eduardo Santos é um homem de visão. Proprietário de dois negócios na comunidade César Maia, em Vargem Pequena, Zona Oeste do Rio, ele se destaca ao disponibilizar aos seus consumidores uma variedade de alimentos, entre doces finos, tortas, salgados, frutas e verduras – tudo com preço e qualidade que não deve nada a espaços fora da favela.

Essa história começou em 2014, quando Eduardo procurava um local onde podia implantar suas ideias inovadoras. Depois de uma busca incessante, encontrou o Conjunto Bandeirantes I, mais conhecido como César Maia. Foi lá que ele abriu a Padaria da Vitória. “Na época, eu estava passando por uma grande vitória na minha vida, daí veio a ideia”, conta.

Créditos: Daniel Borges / ANF
Créditos: Daniel Borges / ANF

Além do básico, o comerciante oferece na panificadora tortas e doces finos. Ele também é parceiro do Projeto Bandeirantes Já, que realiza ações na comunidade. Mais de 30 mil pães já foram doados em três anos para a escolinha mantida pela instituição, e a Padaria da Vitória é um dos fornecedores do bufê para festas Delicias Já, que reverte todo o seu lucro ao projeto.

Como um verdadeiro empreendedor, Eduardo Santos também apostou na ideia de abrir um hortifrúti climatizado, com frutas e verduras fresquinhas todos os dias, vendidas a preço popular.

“Publicado na edição de dezembro de 2017 do jornal A Voz da Favela.”