Dossiê: Olimpíadas x favelas

446

Série de entrevistas especiais investiga as consequências dos Jogos Olímpicos para o Rio de Janeiro

 

A poucos dias do início do Jogos Rio 2016, a Agência de Notícias das Favelas apresenta o Dossiê: Olimpíadas x Favelas. Enquanto a maior parte da imprensa se ocupa com os problemas de logística e de segurança dos Jogos, as favelas, moradias de uma população apenas parcialmente integrada à cidade e à cidadania, permanecem fora das vistas dos promotores e espectadores dos megaeventos. As imagens positivas da dita pacificação e da integração econômica das favelas, que ajudaram a produzir o consenso em torno das Olimpíadas, se desfazem muito rapidamente, deixando evidentes as contradições reais da cidade.

Neste conjunto de quatro entrevistas, que o leitor pode conferir de hoje à quinta-feira, exploramos algumas dessas contradições.

 

Parte 1 – Entrevista Nilo Batista: a ocupação militar de favelas

Parte 2 – Entrevista Maurilio Lima Botelho: a ilusória integração econômica dos pobres

Parte 3 – Entrevista Fátima Tardim: o retorno das remoções

Parte 4 – Entrevista José Cláudio Alves: os efeitos colaterais da política de segurança estadual sobre a Baixada Fluminense