Colaborador da ANF é detido após filmar ação da GM; veja o vídeo

954
Momento da abordagem da Guarda Municipal ao colaborador da ANF Cosme Felippsen foi registrado em vídeo. (Créditos: Reprodução Internet)

O ativista social e colaborador da Agência de Notícias das Favelas e do Jornal A Voz da Favela Cosme Felippsen foi detido na tarde desta terça-feira, 19, ao filmar uma ação da Guarda Municipal contra ambulantes nos arredores da Central do Brasil. O início da confusão foi gravado pelo celular do próprio comunicador. O caso está sendo registrado da 5ª DP (Mem de Sá).

 

 

A Guarda Municipal realizava na tarde de ontem uma operação contra camelôs que atuam no entorno da Central. Cosme Felippsen começou a fazer os registros ao ver um idoso sendo agredido e preso depois de ter sua mercadoria apreendida. Ele foi abordado por um dos guardas, que ordenou a interrupção da filmagem – apesar de não haver crime em filmar um agente público em exercício de função e que ainda pode ser enquadrado como constrangimento ilegal, segundo o artigo 146 do Código Penal. O vídeo gravado no celular de Cosme, que mostra a ação, é interrompido no momento em que ele se recusa a entregar o aparelho. O comunicador popular foi detido por desacato sob protestos da população e levado para a 5ª DP. Segundo testemunhas, a Guarda Municipal usou de truculência para imobilizá-lo.

Em nota, a Guarda Municipal do Rio de Janeiro acusa Cosme de xingar os policiais, o que é contrariado pelas imagens. “De acordo com o líder da equipe do GOE, Cosme Fellipsen filmava o momento da apreensão das mercadorias e reagiu xingando os guardas de ‘ladrões’. Ele foi detido por desacato e resistiu à prisão, precisando ser imobilizado”, afirma a nota.

Na semana passada, um turista foi agredido por guardas municipais ao filmar uma abordagem no Arpoador, Zona Sul do Rio. O caso teve grande repercussão nas redes sociais e na grande mídia.

A Agência de Notícias das Favelas condena a ação da GM-Rio contra o colaborador Cosme Felippsen e a classifica como ilegal e ilegítima.