ANF recebe diploma Heloneida Studart de Cultura

389
diploma Heloneída Studart
Foto: Vitor Soares

A Agência de Notícias das Favelas foi contemplada, nesta segunda-feira, com o diploma Heloneida Studart de Cultura. A honraria concedida pela Comissão de Cultura do parlamento estadual foi entregue no plenário principal, do Palácio Tiradentes, sede Assembleia Legislativa do Estado do Rio de Janeiro (ALERJ). Ao todo, receberam o diploma 28 pessoas e entidades com trabalho ligado a promoção da cultura no Rio de Janeiro.

Os deputados Marcelo Freixo (PSol), Martha Rocha (PDT), Zeidan (PT), André Lazaroni (PMDB) e cerca de 200 convidados estiveram presentes na solenidade, que foi criada em 2009.

O diploma é um instrumento de reconhecimento e estímulo às boas práticas culturais e leva o nome de Heloneida Studart em homenagem à sua atuação na área. 61 entidades culturais e pessoas se candidataram nas áreas de Arquitetura e Urbanismo, arquivos, arte digital, artes visuais, artesanato, circo, culturas Afro-Brasileiras, culturas populares, dança, design, literatura, livro e leitura, moda, música, patrimônio imaterial, patrimônio material e teatro, além da consideração das artes integradas, culturas indígenas, gastronomia e comunicação comunitária.

diploma heloneida
Foto: Simone Menezes

A representante da Agência de Notícias das Favelas na festividade, a secretaria executiva, Renata Duarte, ressaltou o papel fundamental que a cultura das favelas tem para toda a população.

“Para nós da Agência de Notícias das Favelas é motivo de muito orgulho receber mais essa honraria, dessa vez em nome da cultura. A cultura da favela se estabeleceu com muita dificuldade, sendo discriminada desde o início, com o samba e até os dias mais contemporâneos com o funk. Fato é que a cultura brasileira é a cultura da favela e a cultura da favela é a cultura brasileira. A cultura faz nossa população se afirmar, empodera nossa população e também, inclusive, aquece nossa economia. Agradeço em nome da Agência de Notícias das Favelas pelo diploma, fazendo uma menção ao deputado André Lazaroni, que tem acompanhado nosso trabalho desde o início nessa casa legislativa.”

Responsável por entregar a menção a ANF o deputado estadual, André Lazaroni garante que ficou honrado em participar do evento.

“Fiquei muito feliz e honrado em discursar e entregar o Diploma Heloneida Studart de Cultura a uma instituição muito próxima do meu mandato pela relevância do seu trabalho: a Agência de Notícias das Favelas.”

Agência de Notícias das Favelas foi criada para atender a demanda da imprensa e da sociedade que precisavam obter informações sobre que acontecia no contexto das favelas do Rio de Janeiro. Fundada pelo jornalista André Fernandes, em janeiro de 2001, foi logo reconhecida pela Reuters como a primeira agência de notícias de favelas do mundo. Em 2005, a ANF foi instituída como uma ONG para levar adiante a luta pela democratização da informação da favela para o mundo, tendo como protagonistas seus próprios moradores.