Comuna Que Pariu faz desfile que homenageia entre outros Amarildo e Cláudia

227

Depois de fazer um samba crítico sobre a Copa do Mundo em 2014 e exaltar a mulher brasileira em 2015, o bloco  Comuna QUE PARIU mostra seu samba enredo “Na raça, contra o racismo!”  homenageando todos os negros desse país,  A letra é sensacional e fala de Cláudia e Amarildo

 

“Na raça, contra o racismo!”

(Marina Iris, Nina Rosa, Manu da Cuíca, Victor Neves e Rafael Maieiro)

Nosso samba é na raça, quizomba, arruaça
Catando latinha no canto da praça
Mordendo mordaça
No cativeiro, no porão
No convés, na remoção
Adivinhaí quem chegou
Na praia escravizado (de 474)
Adivinha a carne mais barata do mercado
Diz quem foi o braço desse Estado
E ainda é… resistência popular!

Valeu, Zumbi e Minervino
De Cláudia a Claudino
Rafael Braga, Solano e Quelé
Quilombando na Maré

A fibra é África, fábrica, pátria alguma
Barco no fundo do mar mais azul do mundo
Nosso samba é raça na luta de classe
Escancara sem disfarce
Você notou que esses versos têm cor?
É cor do negro trabalhador!

Comuna… é nóiz
Batucada da Maluca mostra os dentes
Finca o pé, levanta a voz
Cadê o Amarildo? Presente!